Coisas que eu não entendo: como usar acessórios para montar looks

Padrão

Acho incrível como algumas pessoas parecem ter o dom de conseguir acrescentar um colar, uma pulseira, brinco ou chapéu ao look e ficar totalmente diferente, parecendo ter saído de um editorial de moda. Infelizmente, eu não sou uma dessas pessoas. Quando coloco qualquer acessório que seja mais complexo que um relógio de pulso (e daqueles beeeem simplórios) já me sinto esquisitíssima. Vez ou outra tento arriscar algo diferente, mas quase sempre estranho ao me olhar no espelho.

Quando tento usar um novo acessório pra dar uma renovada no visual, mas acaba ficando estranho e eu não acho que está favorecendo o look.

 

Coisas que eu não entendo: pessoas que querem ser o centro das atenções

Padrão

Sabe aqueles momentos em que você está contando alguma coisa e de repente alguém interrompe dizendo que tem uma história muito pior ou muito melhor? Então, esse tipo de gente me irrita. Poxa, me deixe terminar de contar meu causo! Pode até ser que você tenha algo mais chocante ou “bafonico” pra noticiar, mas eu também quero falar um pouquinho, poxa.

Sabe aquela pessoa que sempre quer ser o centro das atenções, não admite que os outros se interessem mais por uma história que outro amigo está contando? Não seja essa pessoa.

Coisas que eu não entendo: como andar de salto alto?

Padrão

Um das minhas maiores dificuldades com festas chiques é ter que usar sapatos de salto alto. Por quê? Simplesmente porque não sei andar de salto. Os pés doem, não consigo manter o equilíbrio e fico parecendo um bêbado tentando andar (e olha que eu nem bebo, hein!).

Além do mais, para que ter que passar por toda essa tortura se no fim todas as pessoas de salto acabam tirando o sapato e andando descalças pelo salão de festas?

Pessoa chegando de salto alto no começo da festa

Pessoa chegando de salto alto na festa

Pessoa de salto alto alguns minutos depois de andar / dançar na festa

Pessoa de salto alto alguns minutos depois de andar / dançar na festa

Coisas que eu não entendo: as porções gigantescas de comida em restaurantes

Padrão

Não me levem a mal, eu sou uma pessoa que aprecia uma boa comida, mas, francamente, por que raios as porções de comida tem que ser tão gigantescas nos restaurantes? Sério, já não consigo me lembrar da última vez em que consegui dar conta de comer um prato inteiro do que pedi no restaurante.

Quando peço um prato no restaurante e depois percebo que vem comida demais e que definitivamente não conseguirei comer tudo

Quando peço um prato no restaurante e depois percebo que vem comida demais e que definitivamente não conseguirei comer tudo

Coisas que eu não entendo: como lidar com gente escandalosa?

Padrão

Não sei se sou apenas eu, mas às vezes quando estou conversando com uma pessoa e repentinamente ela começa a falar ou rir alto demais eu não sei como reagir. Na verdade, eu normalmente me assusto com pessoas assim! (risos) Claro, depois que me acostumo com o jeito da pessoa já fico mais confortável e consigo agir com mais naturalidade e, dependendo do grau de amizade que faço com a pessoa, começo a rir e falar alto também…

Quando estou falando com alguém e a pessoa fala ou ri alto demais

Minha primeira impressão daquela pessoa que fala ou ri alto demais

Minha reação quando alguém fala ou ri alto demais

Minha reação quando conheço alguém que fala ou ri alto demais

Mas, no fim, se acabo fazendo amizade com a tal da "pessoa escandalosa", acabo

Mas, no fim, se acabo fazendo amizade com a tal da “pessoa escandalosa”, começo a falar e rir alto também quando estou com ela

 

Coisas que eu não entendo: ligações de telemarketing em horários inoportunos

Padrão

Muita gente reclama quando recebe ligações de telemarketing. Muita gente acaba então sendo grosso e mal educado com os atendentes de telemarketing, mas normalmente eu não consigo tratá-los mal, porque sempre penso que, afinal, eles só estão fazendo o trabalho deles.

Acho que penso isso porque durante um tempo fiz estágio em uma empresa e minha função era ficar ligando para as pessoas oferecendo nossos serviços e prospectando clientes. Mas outro dia acabei perdendo a paciência. Estava eu em casa, depois de um dia longo de trabalho, sentada em frente a minha escrivaninha tentando estudar um pouco. Meu celular tocou. Num susto atendi a chamada. Poxa receber ligação de telemarketing às 10 horas da noite é demais, né?

Quando você atende o telefone e é algum atendente de telemarketing.

Quando você tenta se livrar de uma ligação indesejada de telemarketing de forma educada mas a pessoa do outro lado da linha não desiste de tentar te empurrar algum produto ou serviço: “- Por favor, pare.”

 

Coisas que eu não entendo: viciados em celular

Padrão

Veja bem, não me levem a mal, eu mesma vez ou outra paro para checar minhas mensagens no whatsapp… Mas esse povo que fica olhando o celular o tempo todo me deixa um pouco incomodada. Poxa, às vezes você está falando de alguma coisa super importante ou está abrindo sua alma para a pessoa e de repente você percebe que ela nem estava prestando atenção, porque estava olhando coisas no celular.

Quando você está falando com alguém e percebe que ela não estava prestando atenção porque estava olhando para o celular

Quando você está falando com uma pessoa e percebe que ela não estava prestando atenção porque estava olhando para o celular

Francamente, que deselegante!

Francamente, que deselegante!

 

Coisas que eu não entendo: rostos em objetos inanimados

Padrão

Desde quando eu era criança sempre enxerguei rostos / carinhas em objetos inanimados.

Sempre quando vejo uma expressão em um objeto inanimado, comento com as pessoas. Algumas delas olham e dizem que não identificam nada e outros dizem “-Nossa, é mesmo!”.

E você, também enxerga carinhas nas coisas?

Quando você vê um objeto e percebe que ele está te encarando de volta

Quando você vê um objeto inanimado e percebe que ele está te encarando de volta

Coisas que eu não entendo: apressadinhos no trânsito

Padrão

Ok, admito que não sou a melhor motorista da face da terra. Admito até que não sou lá grandes coisas como condutora de veículos, mas se tem uma coisa que não compreendo são os apressadinhos no trânsito. Tudo bem se irritar quando alguém está andando devagar demais, mas precisa querer ultrapassar todos os carros que estão trafegando?

O que tenho vontade de fazer quando vem algum apressadinho querendo ultrapassar todos os veículos da pista.

O que tenho vontade de fazer quando vem algum apressadinho querendo ultrapassar todos os veículos na pista.